terça-feira, 11 de maio de 2010

Felicidade adversa.

A lembrança mais remota que tinha era de um culto evangélico que sua mãe a levou. Cresceu naquele meio, não conhecia outro, ali se fez moça e logo depois mulher. Agora se via ali na mesma situação que passou sua vida, em um culto evangélico a bater palmas para o marido Pastor de um pequeno templo desses...
Se dizia feliz e realizada na sua condição de mulher do pastor e fazia questão de esconder sua beleza a qualquer custo por baixo de imensos vestidos de cores esquisitas e coques de cabelo assustadores... Dona de casa exemplar lavava, passava e cozinhava. Transava só no escuro, papai e mamãe, uma espécie de obrigação conjugal.

Certo dia a vida resolver mostrar a realidade que viria pela frente. Ela que nunca esperava mudanças pegou o até então "santo" marido com duas "irmãs" da tal igreja, fazendo aquilo que ela nem no escuro conseguia fazer com o marido.
O mundo desabou dos pés daquela mulher que dedicou sua vida a religião. Naquele momento apenas queria morrer...

O tempo passou, o mundo deu voltas. Eis que surge uma nova mulher no mundo, renascida das cinzas, vinda do inferno. Agora freqüentadora assídua de outro lugar, de outras vidas de outros amores. Tornou-se filha do mundo e dona da vida. 

Andar sensual, salto nos pés, saia muito acima dos joelhos e decote nunca antes usado. Irreconhecivel era a palavra que definia aquela puta de passado santo. Vivia o reverso, a mulher que largou a igreja para viver na vida. Loucura pode parecer, mas feliz era o estado.

Um carro para, reconhecendo, ela vai na direção dele. Coloca parte do corpo dentro do carro e diz: - Oi amor!
-Oi amor! Fiquei com saudade! você pode fazer um programinha comigo hoje? Tô louco de tesão!
Ela entra. Afinal era seu cliente mais assíduo!
SEU EX MARIDO...


Essa história não tem moral, ok? É apenas uma história de como pode ser a felicidade adversa para as pessoas...


Me adiciona no twitter: http://twitter.com/FabiFolly

7 comentários:

Jaime Guimarães disse...

Como diria um perfil fake no twitter, "desconfie do sujeito que diz aleluia o tempo todo"...rs

Tem a ver com o "sair da caverna", de Platão, também. A moça estava dominada por uma doutrina, um pensamento único, sem ter passado por outras experiências...e aí vê que há outras perspectivas. Se boas ou ruins dependem dela, e não dos outros.

Fabi, ecos de Nelson Rodrigues nessa história, hein? rs. Gostei.

Bjs!

Simone P. Cardoso disse...

Oi Moça. Saudades daqui. stava sumida, muito trbalho. Mas estou atualizando tudo hoje e visitando os que mais gosto. Adoooro seu canto, suas idéias e pensamentos.

Menina, parece que você conhece uma vizinha da minhã mãe e Sampa! srsrsr

Concordo com o Jaime Guimarães do comentário acima.
E acrescento....Quando as pessoas tentam afirmar muito algo, é que no mato vai ter coelhos, pacas tatus e cotias srsrsr

Beijcoas

Rodrigo Cavaleiro disse...

Não é para ter moral? Então eu não tentarei entender...
Iria julgá-la, a mulher, poetisa, decifrando a "vida", que lhe caí e ainda assim permite-se erguer. Encontrar felicidade na adversidade...

Ah, não é para mim...
Hoje estou chato, e coincide com meu comentário.
Sem beijo e sem abraço, satisfaça-se com um "até..."

Deivis disse...

Texto realmente Bom..

Parabéns!

Cristiano Contreiras disse...

Caríssima, Fabiana

Muito bem concebido e articulado seu espaço, gostei da proposta!

te sigo!

Maris Morgenstern disse...

Se não tem moral tbém não tentarei entende-lo, mas não deixo de reconhecer coisas e situações que já vi por ai...

Brasil Desnudo disse...

Vixe!!
Olha desbocada!
Esse assunto é uma emblemática compléxa que gera controvésia em demasia, onde até vômitos dá...
MAS VAMOS LÁ!

Não custa dá um pitáculo no assunto abordado..

Lulu x Lulu = Nada frente as NAÇÕES Unidas... A não ser por questões de QI, você sabe o que é QI né? "Quem o Indique".

Obama x Ahmadinejad = Um merda que já tem a bomba atômica, brigando por um outro merda que tenta a quelquer custo, ter a danadinha...

Onu x Bomba Atômica e PAZ no Mundo=

Bem!
Devo falar?

Vou falar!

Não vale de porra nehuma, pois como aqui no nosso Brasilzão, bem como lá fora, todos manipulam com Hierarquia aquilo que e conveniente de acorodo com seus interesses.
Exemplo:
Brasil... Os Três Poderes serão independentes, tá lá na Porra da constuíção. Mas São independentes mesmo?
Eu indico a desbocada para ser a Presidenta do STF.. Daí eu vou faço uma merda qualquer, e acabo parando nas mãos da Desbocada, a Juíza que deveria ser independete do Legislativo e do Executivo. Mas não é!
Mas aconteceu o que citei mais em cima, houve QI, a Desbocada só conseguiu o cargo maior de Juíza no STF, porque EU a indiquei.. Eu a coloquei no cargo...
Portanto!
Você acha que a desbocada vai de encontro aos meus interesses...
Como diz a desbocada!
Foda-se a opinião pública... Foda-se o Congresso,
Foda-se o POVO.
A questão é!
Primeiro a supremacia absoluta dos EUS sobre o resto do mundo.
Não sei se lembram, mas os americanos sofrem na década de 70, 1973 para ser mais exato, sua maior derrota, na guerra do Vietnã..
Puta que pariu...
Um povinho daqueles, ganhar da maior potência do mundo, pois ela, eles, que inventaram a tal Bombinha Atômica.
Mas contudo, no Vietnã eles se fuderam no verde e na lama.kkkk
4milhoes de mortos do lado Vietnamitas, e 80 mil soldados americanos, mas perderam assim mesmo!
"Sindrome do Vietnã" foi o que ocorreu com a sociedade Hipócrita e Medíocre americana nos anos 70, por conta da derrota para um país de Merda como o Vietnã.
Foram 14 anos de gerrra, onde vários paises patrocinaram mais um genocídio Humano de de Hitler, mas que todos por trás, ficaram escondidos atraz do muro de Berlim..É! ainda existia aquela merda lá, o tal do Muro, o apartheid alemão...

Bem!
Minhas palavras...

PREFIRO A PAZ DO QUE GUERRA

Mas se eles podem ter seu arsenal de bombas, porque não outra não poder?
Supremacia ou Superpotência!

Como William Shakespeare dizia!

Ser ou não ser, Eis a questão....

Eu digo!

Posso ou não posso, eis meu Posder..


Chega né...

MARCIO RJ